top of page
  • Foto do escritorPaulo Markun

Reino Unido tenta enfrentar solidão do distanciamento social com tecnologia e voluntariado

No Reino Unido, onde o governo já anunciou que maiores de 70 anos serão estimulados a se isolar em casa por até quatro meses, a preocupação de entidades assistenciais e de órgãos oficiais é garantir que esse longo período de distanciamento social não agrave outra ameaça real aos mais velhos: a solidão.

Entre as iniciativas curiosas, está o coral online criado por James Sills, o Sofá Singers, que fez seu primeiro ensaio com 500 vagas gratuitas. Durante 45 minutos, por videoconferência, as pessoas cantaram clássicos do cancioneiro pop como Stand By Me e Just The Way You Are. Recomendação do maestro que conseguiu driblar o distanciamento social, ao menos em parte: “Cante como se ninguém estivesse ouvindo … porque eles não vão ouvir!” Ao término da videoconferência, os participantes podem compartilhar o resultado com outras pessoas. Na página do Instagram do maestro é possível ver o resultado – mais para karaokê que para coral. De todo modo, a próxima sessão será dia 20, às 19h30, hora de Londres, pelo link https://zoom.us/j/297907485

A repórter Sophie Gallagher, do jornal The Independent listou dicas colhidas junto a integrantes de organizações de caridade e da campanha de combate à solidão (Campaign to End Loneliness). Vão de suporte para fazer compras ao incentivo à atividade física dentro de casa e ao uso das redes sociais, passando pelo contato permanente por telefone, online ou pelo correio.

Aos mais novos e que correm menos riscos, a recomendação é atuar como voluntários em organizações como a National Care Force (Força Nacional de Assistência) que deixou de buscar apenas profissionais de saúde para convocar quaisquer interessados em ajudar os outros.

O texto da colega do Independent termina com uma dica colhida na Campanha para Acabar com a Solidão que pode ser tropicalizada sem problemas: “Ao usar as mídias sociais, lembre-se de que este pode ser um momento assustador e isolado para muitos. Seja gentil. Ofereça ajuda e conselhos sempre que puder. Tente não espalhar rumores infundados que possam causar transtorno ou pânico. A tecnologia não pode substituir o sentimento de comunicação pessoal, mas existem maneiras de permanecer conectado isoladamente que podem ajudar. Para muitos de nós, este será um momento difícil. As medidas de isolamento devem proteger o maior número de pessoas dos piores efeitos do coronavírus, e isso será temporário. Se fizermos um esforço para permanecer conectado, podemos fazer uma grande diferença para as pessoas que estão se sentindo sozinhas no momento.”

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page